Archive for the 'Doenças e Emoções' Category

Inimigos Ocultos

Sofre de REUMATISMO,
Quem percorre os caminhos tortuosos
Quem se destina aos escombros da tristeza
Quem vive tropeçando no egoísmo.

Sofre de ARTRITE,
Quem jamais abre mão
Quem sempre aponta os defeitos dos outros
Quem nunca oferece uma rosa.

Sofre de BURSITE,
Quem não oferta seu ombro amigo
Quem retesa, permanentemente, os músculos
Quem cuida, excessivamente, das questões alheias.

Sofre da COLUNA,
Quem nunca se curva diante da vida
Quem carrega o mundo nas costas
Quem não anda com retidão.

Sofre dos RINS,
Quem tem medo de enfrentar problemas
Quem não filtra seus ideais
Quem não separa o joio do trigo.

Sofre dos PULMÕES,
Quem se intoxica de raiva e de ódio
Quem sufoca, permanentemente, os outros
Quem não respira aliviado pelo dever cumprido
Quem não muda de ares.

Sofre do CORAÇÃO,
Quem guarda ressentimentos
Quem vive do passado
Quem não segue as batidas do tempo
Quem não se ama e, portanto, não tem coração para amar alguém.
 
Sofre da GARGANTA,
Quem fala mal dos outros
Quem não solta o verbo
Quem repudia
Quem omite
Quem usa sua espada afiada para ferir
Quem reclama o tempo todo.

Sofre do OUVIDO,
Quem julga os atos dos outros
Quem não se escuta
Quem costuma escutar a conversa dos outros
Quem ensurdece ao chamado divino.

Sofre dos OLHOS,
Quem não se enxerga
Quem distorce os fatos
Quem não amplia sua visão
Quem vê tudo em duplo sentido
Quem não quer ver.
 
Sofre de DISTÚRBIOS DA MENTE,
Quem mente para si mesmo
Quem não tem lucidez
Quem preza a inconsciência
Quem menospreza a intuição
Quem não vigia seus pensamentos
Quem não pensa na vida
Quem se ilude
Quem mascara a realidade
Quem não areja a cabeça
Quem não se dá
Quem não ama.
 
Causa e efeito.
Ação e reação.
Tudo está intrinsecamente ligado.
Tudo se conecta o tempo todo.
E assim passam os anos sem que o

ser humano conheça a si mesmo.
Somos, certamente, o maior amor das nossas vidas!
Assim como o nosso maior inimigo é aquele que está

oculto e que habita, inexoravelmente, no interior de nós mesmos.

Doenças e Emoções

AS DOENÇAS SÃO CRIADAS POR NÓS!
 
Segundo a psicóloga americana Louise L. Hay, todas as doenças que temos são criadas por nós, sempre que estamos doentes, necessitamos descobrir a quem precisamos perdoar. Quando estamos empacados num certo ponto, significa que precisamos perdoar mais.
A seguir, você vai conhecer uma relação de algumas doenças e suas prováveis causais:
 
AMIGDALITE: Emoções reprimidas, criatividade sufocada
ANOREXIA: ódio ao extremo de si mesmo.
APENDICITE: medo da vida. Bloqueio do fluxo do que é bom.
ARTERIOSCLEROSE: resistência. Recusa em ver o bem.
ARTRITE: crítica conservada por longo tempo.
ASMA: sentimento contido, choro reprimido.
BRONQUITE: ambiente profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
CÂNCER: magoa profunda, tristezas mantidas por muito tempo.
COLESTEROL: medo de aceitar a alegria.
DERRAME: resistência. Rejeição a vida.
DIABETES: tristeza profunda.
DIARRÉIA: medo, rejeição, fuga.
DOR DE CABEÇA: autocrítica, falta de autovalorização.
ENXAQUECA: medos sexuais. Raiva reprimida. Pessoa perfeccionista.
FIBROMAS: alimentar magoas causadas pelo parceiro.
FRIGIDEZ: medo. Negação do prazer.
GASTRITE: incerteza profunda. Sensação de condenação.
HEMORRÓIDAS: medo de prazos determinados. Raiva do passado.
HEPATITE: raiva, ódio. Resistência a mudanças.
INSÔNIA: medo, culpa.
LABIRINTITE: medo de não estar no controle.
MENINGITE: tumulto interior. Falta de apoio.
NÓDULOS: ressentimento, frustração. Ego ferido.
PELE (ACNE): Individualidade ameaçada. Não aceitar a si mesmo.
PNEUMONIA: desespero. Cansaço da vida.
PRESSÃO ALTA: problema emocional duradouro não resolvido.
PRISÃO DE VENTRE: preso ao passado. Medo de não ter dinheiro suficiente.
PULMÕES: medo de absorver a vida.
QUISTOS: alimentar magia. Falsa evolução.
RESFRIADOS: confusão mental, desordem, mágoas.
REUMATISMO: sentir-se vitima. Falta de amor. Amargura.
RINITE ALÉRGICA: congestão emocional. Culpa, crença em perseguição.
RINS: crítica, desapontamento, fracasso.
SINUSITE: irritação com pessoa próxima.
TIROÍDE: humilhação.
TUMORES: alimentar mágoas. Acumular remorsos.
ÚLCERAS: medo. Crença de não ser bom o bastante.
VARIZES: desencorajamento. Sentir-se sobrecarregado.


Criado em 19 JUL 08

  • 2,870,912 visitas

Enter your email address to subscribe to this blog and receive notifications of new posts by email.

Junte-se a 747 outros seguidores

Loja Virtual

Tem naninha florida por aqui pra iluminar seu dia! Agora com cores muito mais vibrantes! !!! 🌻🌼 Clarice de Andrade da mamãe @pamela.deandrade florindo nosso jardim desde que nossa história começou! #amorreal #naninhas #bonecadepano #infanciacompleta #amordamamae 
Disponível em

http://www.gentequeadora.com.br/

Mensagens (Ordem Alfabética)